Inspiration .

Africa .

Young Talent .

By Isabel dos Santos .

Desenvolver a próxima geração de campeões africanos

A população mundial nunca teve tantos jovens. Esta é a maior geração de jovens de sempre no mundo. Portanto, o potencial humano que existe é imenso.  É preciso acreditar nesta geração, dar-lhe as ferramentas para que possa superar-se e fazer coisas que não imaginava possíveis. 

Todos nós –  empreendedores, governos, empresas – devemos investir nos jovens: educação, emprego, oportunidades de carreira… futuro. Ao fazermos isso, imaginem o salto de desenvolvimento que podemos trazer a todas as nações de África.  

Jovens envolvidos com o futuro do continente 

Os jovens de hoje compreendem o valor da educação, do conhecimento, como sendo o princípio de tudo. Estão ansiosos por agarrar todas as oportunidades que surgem para um dia serem uma força de transformação do continente africano. Cada vez mais sou abordada pelos jovens que procuram oportunidades, que pedem conselhos, que correm atrás do seu sonho. E fazer parte desta jornada de tantos jovens é verdadeiramente gratificante.

A educação como o princípio de tudo

Os jovens exigem, antes de mais, acesso a educação de qualidade. Embora a alfabetização da população continue a ser muito importante, temos de olhar para o ensino de qualidade:  programas de formação profissional, educação universitária altamente especializada e investigação. Jovens com uma boa formação universitária vão tornar-se adultos independentes, capazes de pensar por si próprios, de criar os seus projectos, gerar valor e, por isso, terem poder de compra e consciência de poupança. São estas pessoas o motor do crescimento dos seus países e do continente. 

Capacitar os jovens é desenvolver a próxima geração de líderes africanos. Identificando talentos. Oferecendo oportunidades de emprego e formação profissional. Envolvendo os jovens nas grandes decisões e dando-lhes responsabilidade e autonomia.

Capacitar os jovens estimulando uma cultura de confiança em cada um. Desenvolvendo o espírito de empreendedorismo capaz de transformar a mentalidade de uma geração inteira. Se reconhecermos isso, mudamos África para sempre.

 

Outras das preocupações dos jovens é saber se os Estados estão a evoluir no sentido de criarem as condições estruturais que lhes darão confiança para poderem colocar as suas aptidões e competências ao serviço do país.

Estes jovens vão querer ser empreendedores, ter uma voz na sociedade, ser influentes… e só com eles podemos construir o futuro de África.

Os jovens são a voz mais influente do continente

É fundamental escutar os jovens, dar-lhes voz. A energia, a criatividade, a capacidade de sonhar de um jovem é muito inspiradora para todos. Eles não exigem apenas desenvolvimento económico para os seus países, a riqueza financeira já não é a única motivação. Há uma expectativa de evolução e valores, de propósitos, de ética. Querem um desenvolvimento sustentável. São exigentes e determinados.

Sempre que posso aproveito esta proximidade com os estudantes, porque esta energia me inspira muito e espero conseguir retribuir-lhes… não só com a minha experiência e com os meus conselhos, mas sobretudo com as oportunidades de emprego e de formação que estou empenhada em criar. Este é o compromisso que assumi com o meu pais e continente.